Domingo, 21 de Agosto de 2005
Ao Pantanero, Zé Hache, Machado
Meu Camarada, meu Amigo que lutaste por um País e por um Mundo onde valesse a pena viver:
Acabei de ler a notícia da tua partida, nesta distante cidade de Faro. Não estarei presente para me despedir como deveria ser mas, com aquele poema de Ary dos Santos que tu tanto gostavas de ouvir, me curvo perante o teu espírito de luta, o teu trabalho militante, o respeito e a humildade que de ti irradiava.

Até sempre, Amigo, Camarada e Companheiro.

José Gomes, 20 de Agosto de 2005



A Bandeira Comunista


Foi como se não bastasse
tudo quanto nos fizeram
como se não lhes chegasse
todo o sangue que beberam
como se o ódio fartasse
apenas os que sofreram
como se a luta de classe
não fosse dos que a moveram.
Foi como se as mãos partidas
ou as unhas arrancadas
fossem outras tantas vidas
outra vez incendiadas.
À voz de anticomunista
o patrão surgiu de novo
e com a miséria à vista
tentou dividir o povo.
E falou à multidão
tal como estava previsto
usando sem ter razão
a falsa ideia de Cristo.
Pois quando o povo é cristão
também luta a nosso lado
nós repartimos o pão
não temos o pão guardado.
Por isso quando os burgueses
nos quiserem destruir
encontram os portugueses
que souberam resistir.
E a cada novo assalto
cada escalada fascista
subirá sempre mais alto
a bandeira comunista.


José Carlos Ary dos Santos




publicado por zeca maneca às 03:22
link do post | comentar | favorito
|

4 comentários:
De anónimo a 23 de Agosto de 2005 às 00:12
Obrigado a todos quantos têm homenageado o nosso querido irmão, o Zeca, como o tratávamos na família, o Zé, no local de convívio (Café Rio Lima), o Machado, no Partido - PCP e o Pantanero, no blog, ficámos 4 irmãos, estámos a tentar ultrapassar, ...mas está a custar mesmo muito como imaginam, mas todos os comentários que tenho lido e transmitido a todos os meus irmãos, dão-nos alento e força para continuar com ele presente entre nós, sem dor, mas com orgulho por tudo aquilo que ele fez, e vontade de lutar por um mundo melhor para todos. Saudações - AdéritoAdérito
(http://5450)
(mailto:ademacchado@mail.telepac.pt)


De anónimo a 22 de Agosto de 2005 às 21:28
Quero endereçar a toda a família do Machado (Pantanero)os meus sentimentos e pedir desculpa de não ter podido estar presente para o Adeus ao Amigo./// Quero agradecer à Alice ter-me feito o favor de me colocar este post, mesmo ditado pelo telefone, pois em Faro não tinha facilidade em recorrer â net./// Ao Machado, esteja lá onde ele estiver, o meu abraço solidário... com a certeza de que a luta continua!josé gomes
</a>
(mailto:saturnogomes@netcabo.pt)


De anónimo a 21 de Agosto de 2005 às 11:29
Deixo um abraço solidário. Menina_marota
(http://meninamarota.blogspot.com)
(mailto:Menina_marota@sapo.pt)


De anónimo a 21 de Agosto de 2005 às 03:52
Bela homenagem ao Grande Pantanero, homem amigo, de causas, solidário, com um coração do tamanho do mundo. bjswind
(http://wind9.blogspot.com)
(mailto:sagit_126@hotmail.com)


Comentar o post

Lembrete

Uma noite com... Che

Sábado, 13 Outubro 07
21,30 horas
Anfiteatro do GDM Flor de Infesta
Rua Padre Costa, 118
4465 S. Mamede Infesta

sobre movimentum
A minha música
movimentuns recentes

Encerramento deste blog!

NOITES DE POESIA EM VERMO...

NOITES DE POESIA EM VERMO...

"UMA NOITE COM... CHE GUE...

Para que a história os nã...

Noites de Poesia em Vermo...

Noites de Poesia em Vermo...

Notícias Científicas da N...

Noticias Científicas da N...

Noticias Científicas da N...

Sonho de uma Noite de Ver...

Noites de Poesia em Vermo...

NOITES DE POESIA EM VERMO...

Estranhos no Paraiso

António Feijó

O nascimento de um Panda

Limpar o Almorode - a rep...

Limpar o Almorode - Divul...

Noites de Poesia em Vermo...

Vamos lembrar estas inici...

AVISO

Noites de Poesia em Vermo...

Auschwitz

Dançando com... as luzes!

Maio de 1968

Noites de Poesia em Vermo...

Noites de Poesia em Vermo...

1º de MAIO - o dia do Tra...

Noites de Poesia em Vermo...

25 de Abril, sempre! - 3

25 de Abril, sempre! - 2

25 de Abril, sempre! - 1

Parabéns, Noites de Poesi...

Noites de Poesia em Vermo...

Noites de Poesia em Vermo...

"DezSete" - Lançamento na...

Convite para DezSete

A reportagem de "Lume" em...

"Lume" de M. Mamede, apre...

Um abraço, professor...

Noites de Poesia de Vermo...

Noites de Poesia em Vermo...

Zeca Afonso - o Homem que...

ZECA AFONSO - Crónica de ...

Zeca Afonso - o Homem que...

NÓS E O AMBIENTE...

NOITES DE POESIA EM VERMO...

NOITE DE POESIA DE VERMOI...

NOITES DE POESIA EM VERMO...

João de Deus

movimentuns arquivados
Links
  • A.Filoxera
  • AiShiteNight
  • A Serra - Tatamailau
  • – Amita BrePrt
  • Amorizade - Jacky
  • Ana
  • Andorinha Negra
  • Carlos Beeez
  • C. Valente - Fotos
  • Chuviscos
  • Ex-Improviso - Leonor
  • Fátima P. (Ilhas...)
  • Fernando Peixoto
  • José Faria
  • Júlia Coutinho
  • Junta Freguesia Vermoim
  • LMatta
  • Lena d'Água
  • Leonor Costa (Nokinhas)
  • Lique – Mulher30a60
  • Lique - Novo
  • Lumife – Alvito
  • Lumife – Beja
  • Lumife – Saber…
  • MMarota MG
  • Menina Marota
  • Maria
  • Margarida - Saltap.
  • Maria Mamede (De Amor e de Terra)
  • Maria Mamede (Se não houvesse fronteiras)
  • Maria Mamede (Xangrilah)
  • Momentos e… Com. Ludovicus Rex
  • Movimentum 2
  • O Outro Lado da Lua
  • Pantanero (Machado)
  • Paula Raposo – páginas
  • Paula Raposo – Romãs
  • Pimentinha
  • Pimentinha Fotog.
  • Poesia Portuguesa - MMarota
  • Praia da Claridade
  • Repensando – Seila
  • Samuel
  • Sandra Daniela
  • Sophiamar (Isabel)
  • TMara
  • TMara2
  • Tatamailau – A. Serra
  • Turismo da Maia
  • Wind
  • Wind – Imagens
  • Zeca Telhado (Nau Catrineta)
  • Zia (fotografia)
  • Zia (página)
  • Zia (“AiShiteNight” em inglês)
    pesquise neste blog
     
    Outubro 2007
    Dom
    Seg
    Ter
    Qua
    Qui
    Sex
    Sab

    1
    2
    3
    4
    5
    6

    7
    8
    9
    10
    11
    12
    13

    14
    15
    16
    17
    18
    19
    20

    21
    22
    23
    24
    25
    26
    27

    28
    29
    30
    31


    RSS