Segunda-feira, 12 de Junho de 2006
9 de Junho, num restaurante em S. Mamede Infesta...

Mais uma vez , no final de ter postado e verificado o aspecto através do "Pré-Visualizar"" dei ordem final de "Publicar".

Através do "ver blog" tudo estava ok.

Inseri a música e quando vi a disposição final apenas ficou a música (a que acabara de inserir)e a postagem anterior.

TODO O TRABALHO PERDIDO!

 


 

 

No dia 9 de Junho (que por acaso até era uma sexta-feira - que o digam os meus dedos e a porta do carro!!!) um grupo de amigos resolveu confraternizar com a nossa poeta (ou poetisa, como dizem alguns puristas!) num restaurante calmo e bucólico de S. Mamede Infesta.

Aqui festejamos (com uma jantarada, a cantiga da praxe, bolo, champagne) o aniversário da Mamede (para que se conste, o dia foi no dia 4 de Junho!).

Foi um serão agradável e divertido.

Na hora das "faladuras" a Mamede leu-nos este "discurso" , entregando-nos uma cópia a cada um de nós, devidamente assinada pela a autora:


"Discurso" lido pela Mamede no jantar comemorativo do seu aniversário
 

Meu querido amigo
Minhas queridas e meus queridos amigos,
 

Há algum tempo escrevi um texto que intitulei  "A Vida é Bela" e que creio que nenhum de vós ainda o conhece; como a "veia" anda um pouco desaparecida, fui buscá-lo, pois achei que não deveria deixar passar este momento sem vos dizer, de algum modo, o que me vai na alma; por isso vo-lo vou ler.

E, pensando bem, “A Vida só é Bela” quando nela existe “Um BOM-Querer”, como este que hoje nos reúne.

Um beijo de todas as cores desta vossa Amiga,

Maria Mamede
(Segue-se assinatura)

CONSIDERAÇÕES

A VIDA É BELA!

Tudo na vida é transitório!

No entanto, por certo será nessa transitoriedade que reside a sua maior beleza.

Quando dizemos: - “Para sempre”, o nosso sempre mede-se pela duração da nossa vida, cuja medida desconhecemos por completo.

A humanidade evoluiu de tal modo, nas artes, nas letras e nas ciências, que conseguiu alcançar e descobrir coisas impensáveis há alguns anos atrás e lembro apenas, como exemplo, a cura para algumas espécies de cancro.

Quero com isto dizer, que apesar de todas as descobertas que aumentam o nosso tempo de vida e que no-la tornam mais fácil e agradável continua, no entanto, por mais longa que seja, irremediavelmente transitória, de pouca duração comparando-a com a idade do planeta ou a existência do cosmos.

Apesar disso, direi melhor, por isso mesmo, a vida é bela, tão bela que o simples acto de respirar é uma dádiva, como ver, andar, falar, ouvir, sentir, cheirar e todas as outras ínfimas coisas simples que instintivamente aprendemos e são imprescindíveis à nossa sã sobrevivência.

E porque a vida, mesmo longa é sempre breve, nessa brevidade reside a sua maior beleza.

Poderemos considerar que é triste por ser de pouca duração, mas na realidade, quem é capaz de nela achar encanto e ser simples para ser feliz, ganhou o direito a eternizá-la, não somente através da arte, da literatura ou da ciência, o que só estará ao alcance de alguns, mas pelo simples facto de deixar neste mundo “obra feita” que a perpetue. Árvores plantadas, filhos, exemplos de bondade e amor e isso está ao alcance de todos.

Não é preciso ser santo nem herói, basta somente ser um ser humano de verdade, grande na sua pequenez, imenso na sua humildade, gigantescamente heróico na simplicidade de amar e de se dar aos outros.

Não é difícil a receita; difícil é acertar na medida dos ingredientes.
Mas por isso mesmo, é que eu acredito que tal como eu, há cada vez mais gente a acreditar que

"A VIDA É BELA!

Casa da Avo
Silva Escura, 28/05/05

Maria Mamede

 
 
Foi realmente uma noite muito agradável, uma noite que serviu para cimentar a Amizade que nos une.

Para todos vós os meus votos de boa semana... de preferência mais fresca, se possível com uma chuvinha (ai que saudades!) e, melhor ainda, com uma noite de trovoada iluminando com cores deslumbrantes as águas do mar!

José Gomes

 


sentimento: Segunda-feira dá sono!!!
música: "Take a Chance on Me" - ABBA

publicado por zeca maneca às 22:23
link do post | comentar | favorito
|

4 comentários:
De wind a 13 de Junho de 2006 às 01:19
A sempre optimista Maria Mamede:) Beijos para todos*


De alice a 19 de Junho de 2006 às 21:40
querido josé gomes,

fiquei muito feliz com a sua visita e comentário no meu blog, sobretudo pelo sorriso nos olhos que me ofereceu

depois de ver este post, fico triste de não ter participado... oxalá nos encontremos de novo em breve

um grande beijinho para si,

alice


De alice a 19 de Junho de 2006 às 21:40
querido josé gomes,

fiquei muito feliz com a sua visita e comentário no meu blog, sobretudo pelo sorriso nos olhos que me ofereceu

depois de ver este post, fico triste de não ter participado... oxalá nos encontremos de novo em breve

um grande beijinho para si,

alice


De Maria Mamede a 22 de Junho de 2006 às 16:10
Ó Zeca, tu és muito desavegonhado!!!
Então não é que o rapaz põe os segredos à vista!...

Obrigada
A ti e a todos os outros Amigos e Amigas

Um beijo enorme da

Maria Mamede


Comentar o post

Lembrete

Uma noite com... Che

Sábado, 13 Outubro 07
21,30 horas
Anfiteatro do GDM Flor de Infesta
Rua Padre Costa, 118
4465 S. Mamede Infesta

sobre movimentum
A minha música
movimentuns recentes

Encerramento deste blog!

NOITES DE POESIA EM VERMO...

NOITES DE POESIA EM VERMO...

"UMA NOITE COM... CHE GUE...

Para que a história os nã...

Noites de Poesia em Vermo...

Noites de Poesia em Vermo...

Notícias Científicas da N...

Noticias Científicas da N...

Noticias Científicas da N...

Sonho de uma Noite de Ver...

Noites de Poesia em Vermo...

NOITES DE POESIA EM VERMO...

Estranhos no Paraiso

António Feijó

O nascimento de um Panda

Limpar o Almorode - a rep...

Limpar o Almorode - Divul...

Noites de Poesia em Vermo...

Vamos lembrar estas inici...

AVISO

Noites de Poesia em Vermo...

Auschwitz

Dançando com... as luzes!

Maio de 1968

Noites de Poesia em Vermo...

Noites de Poesia em Vermo...

1º de MAIO - o dia do Tra...

Noites de Poesia em Vermo...

25 de Abril, sempre! - 3

25 de Abril, sempre! - 2

25 de Abril, sempre! - 1

Parabéns, Noites de Poesi...

Noites de Poesia em Vermo...

Noites de Poesia em Vermo...

"DezSete" - Lançamento na...

Convite para DezSete

A reportagem de "Lume" em...

"Lume" de M. Mamede, apre...

Um abraço, professor...

Noites de Poesia de Vermo...

Noites de Poesia em Vermo...

Zeca Afonso - o Homem que...

ZECA AFONSO - Crónica de ...

Zeca Afonso - o Homem que...

NÓS E O AMBIENTE...

NOITES DE POESIA EM VERMO...

NOITE DE POESIA DE VERMOI...

NOITES DE POESIA EM VERMO...

João de Deus

movimentuns arquivados
Links
  • A.Filoxera
  • AiShiteNight
  • A Serra - Tatamailau
  • – Amita BrePrt
  • Amorizade - Jacky
  • Ana
  • Andorinha Negra
  • Carlos Beeez
  • C. Valente - Fotos
  • Chuviscos
  • Ex-Improviso - Leonor
  • Fátima P. (Ilhas...)
  • Fernando Peixoto
  • José Faria
  • Júlia Coutinho
  • Junta Freguesia Vermoim
  • LMatta
  • Lena d'Água
  • Leonor Costa (Nokinhas)
  • Lique – Mulher30a60
  • Lique - Novo
  • Lumife – Alvito
  • Lumife – Beja
  • Lumife – Saber…
  • MMarota MG
  • Menina Marota
  • Maria
  • Margarida - Saltap.
  • Maria Mamede (De Amor e de Terra)
  • Maria Mamede (Se não houvesse fronteiras)
  • Maria Mamede (Xangrilah)
  • Momentos e… Com. Ludovicus Rex
  • Movimentum 2
  • O Outro Lado da Lua
  • Pantanero (Machado)
  • Paula Raposo – páginas
  • Paula Raposo – Romãs
  • Pimentinha
  • Pimentinha Fotog.
  • Poesia Portuguesa - MMarota
  • Praia da Claridade
  • Repensando – Seila
  • Samuel
  • Sandra Daniela
  • Sophiamar (Isabel)
  • TMara
  • TMara2
  • Tatamailau – A. Serra
  • Turismo da Maia
  • Wind
  • Wind – Imagens
  • Zeca Telhado (Nau Catrineta)
  • Zia (fotografia)
  • Zia (página)
  • Zia (“AiShiteNight” em inglês)
    pesquise neste blog
     
    Outubro 2007
    Dom
    Seg
    Ter
    Qua
    Qui
    Sex
    Sab

    1
    2
    3
    4
    5
    6

    7
    8
    9
    10
    11
    12
    13

    14
    15
    16
    17
    18
    19
    20

    21
    22
    23
    24
    25
    26
    27

    28
    29
    30
    31


    RSS